Projeto “Cotil coloca a Unicamp no mapa” permite visão espacial de campus de Limeira

O projeto “Cotil coloca a Unicamp no mapa”, desenvolvido por alunos dos cursos de Edificações e Geodésia e Cartografia do Colégio Técnico de Limeira da Unicamp (Cotil), foi apresentado em cerimônia virtual nesta segunda-feira (29). A iniciativa permite uma visão espacial do campus I de Limeira, do interior de prédios e dos locais de proveniência dos alunos. O trabalho é fruto de parceria entre o Cotil e a Diretoria Executiva de Planejamento Integrado (DEPI) da Unicamp e visa o aprimoramento da formação dos alunos, alinhado ao aperfeiçoamento dos métodos de gestão da Universidade.

O projeto teve início em 2019, quando alunos de Geodésia e Cartografia iniciaram o georreferenciamento e o levantamento topográfico dos prédios do Campus I de Limeira, processos que deram origem aos mapas do local. Paralelamente, alunos de Edificações fizeram o levantamento dos ambientes internos. Com isso, são disponibilizadas informações referentes ao nome das salas e aos tipos de uso, além da apresentação física do local.

Em 2020, foi realizada a vetorização dos prédios do Instituto de Biologia, cujos desenhos datavam de 1969. Já em 2021, houve o cadastramento dos prédios da Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA). No mesmo ano, os estudantes também transformaram os dados cadastrais dos alunos matriculados no Cotil em informação geográfica, processo chamado de geocodificação. O trabalho permite uma visão espacial dos locais de proveniência dos alunos, viabilizando, por exemplo, a análise da relação entre locais de origem, turno de estudo e diversidade étnico-racial dos matriculados.

Mapa permite ver os tipos de usos dos prédios.

As informações levantadas pelo projeto foram disponibilizadas através de aplicativos, também desenvolvidos pelos alunos. Locais com acessibilidade, pontos de alimentação e lazer são alguns dos aspectos que podem ser visualizados no Atlas da Unicamp. No site do Cotil também consta o mapa do campus, o que possibilita conhecer espacialmente o local. Confira aqui.

Nicolas Maciel,  estudante do terceiro ano do curso de cartografia do Cotil, representou os alunos envolvidos no projeto na cerimônia de lançamento. Para ele, o trabalho possibilitou a união entre o conhecimento teórico e prático. “Reconheço a importância de realizarmos as atividades práticas de modo a efetivar os conhecimentos adquiridos ao longo dos três anos do curso. Estabelecer a relação entre teoria e prática é de suma importância para nós, futuros técnicos”. Mesmo com os desafios impostos pela pandemia, disse, a atividade em  ambiente virtual foi de excelência, e permitiu o sucesso do estágio.

O projeto “Cotil coloca a Unicamp no mapa” foi orientado pelo professor Giocondo Mário Negro Filho e pela professora Carolina Malaman, vice-chefe do Departamento de Infraestrutura e Tecnologia do Cotil. A docente destaca o amadurecimento dos alunos ao longo dos anos e os benefícios da parceria com a DEPI. “Já são três anos em que estamos trabalhando juntos e a cada trabalho surgem novas contribuições e novas ideias, sempre contribuindo não só para o Cotil e a DEPI, mas para toda a comunidade da Unicamp e fora dela”.

Projeto transformou dados cadastrais dos alunos do Cotil em informação geográfica.

Parceria entre Cotil e DEPI

A parceria entre o Cotil e a DEPI teve início em 2019, com o objetivo propiciar estágios para os alunos do Colégio Técnico. A ideia é que os trabalhos estejam alinhados a demandas da Universidade. “É um exemplo de atividade  de formação de alunos e de resolução de problemas internos da Universidade”, avaliou o reitor da Unicamp, Antonio José de Almeida Meirelles, frisando que o conhecimento gerado pode ser replicado em outros órgãos.

Para o diretor geral do Cotil, José Roberto Ribeiro, a parceria contribui para a prática pedagógica dos cursos, desenvolvendo habilidades criativas, de resolução de problemas e de trabalho em equipe. “A parceria do Cotil com a DEPI, firmada no início de 2019, nos possibilita desenvolver uma prática pedagógica interdisciplinar, que concatena os assuntos abordados em sala de aula nos cursos de Geodésia e Cartografia e de Edificações, facilitando a comunicação entre a teoria e prática”. Além disso, por meio de uma dinâmica colaborativa, os trabalhos contribuem para a Universidade em seus métodos de gestão, avalia.

Fonte: https://www.unicamp.br/unicamp/noticias/2021/11/30/projeto-cotil-coloca-unicamp-no-mapa-permite-visao-espacial-de-campus-de